Rádio 93FM
Com você onde você for.

Ouça a Rádio 93FM Ao Vivo

Assista a Rádio 93FM Ouça a Rádio 93FM

Ouça a Rádio 93FM



Assista a Rádio 93FM

Top 10: Os Cantores Mais Ouvidos da Última Década

Confira o Ranking Completo dos 10 Artistas Mais Tocados na Década de 10

A Crowley divulgou recentemente a lista dos 10 cantores mais tocadas nas rádios do Brasil na década de 10.

O ranking foi literalmente dominado pelos cantores sertanejos, que ficaram com todas as posições do Top 10.

Cantores mais ouvidos

Veja o ranking dos 10 cantores mais tocados nas rádios brasileiras na última década:

  1. Luan Santana;
  2. Jorge e Mateus;
  3. Gusttavo Lima;
  4. Bruno e Marrone;
  5. Henrique e Juliano;
  6. Zezé di Camargo e Luciano;
  7. Fernando e Sorocaba;
  8. Victor e Léo;
  9. Marcos e Belutti;
  10. João Neto e Frederico.

Cantores

Sucesso da música sertaneja

Não dá para negar, a música sertaneja literalmente caiu no gosto popular e se tornou um dos ritmos musicais mais ouvidos em nosso país.

Com letras em sua maioria românticas, a música sertaneja é hoje parte da identidade cultural do Brasil, revelando muito sobre a cultura da nossa população.

Mas em meio a tanta popularidade, surgem inúmeras perguntas e teorias sobre a origem da música caipira no Brasil.

Pois afinal de contas, como surgiu a música sertaneja em nosso país e como ela se tornou a favorita dos brasileiros.

Pois bem, a primeira música sertaneja surgiu no ano de 1929, feita pelo compositor Cornélio Pires.

Cornélio decidiu gravar pequenos pedaços de cantos típicos do interior do estado de São Paulo. As canções abordavam temas como sofrimento, situações do cotidiano e algumas dificuldades enfrentadas pela população da época.

A música caipira daquela época retratava a imagem do interior, como uma espécie de oposição a vida urbana, ressaltando a beleza das coisas simples da vida.

A viola era o principal instrumento musical utilizado pelos cantores de música caipira, e esta se tornou o símbolo desse ritmo musical.

As canções foram ganhando popularidade e com o tempo deixou de ser música caipira para se tornar música sertaneja.

Conforme o ritmo ia ganhando espaço nos centros urbanos, as temáticas do campo foram sendo gradativamente substituídas por letras românticas e contemporâneas.

Após a Segunda Guerra Mundial, surgiu em nosso país a tendência de fazer duetos cantando música sertaneja.

Daí surgiram as tão famosas duplas sertanejas.

Algumas das duplas sertanejas de maior destaque dessa época foram:

  • Cascatinha e Inhana;
  • Irmãs Galvão;
  • Irmãs Castro;
  • Sulino e Marrueiro;
  • Palmeira e Biá;
  • Trio Luzinho;
  • Limeira e Zezinha.

O grande bum do sertanejo ocorreu na década de 70, quando da dupla Milionário e José Rico decidiram acrescentar novos instrumentos a música sertaneja.

Floreios de violino e trompetes começaram a ser usados para preencher espaços vazios na melodia, dando uma nova aparência a música caipira.

A dupla Pena Branca e Xavantinho também conquistaram bastante destaque na época, cantando a tradicional música caipira.

Mas foi o eterno Rei do Pagode, Tião Carreiro que de fato marcou a história da música sertaneja ao unir o gênero caipira com o samba.

Essa mistura infalível literalmente conquistou o gosto popular e transformou a música sertaneja em parte do nosso patrimônio cultural, sendo até os dias de hoje símbolo da população brasileira.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. AceitoLeia Mais

Politica de Privacidade & Cookies
Open chat