Rádio 93FM
Com você onde você for.

Ouça a Rádio 93FM Ao Vivo

Assista a Rádio 93FM Ouça a Rádio 93FM

Ouça a Rádio 93FM



Assista a Rádio 93FM

Como a Magalu CRESCEU com a Lu durante a Pandemia

Veja Como a Pandemia Impulsionou a Magalu

0 37

Com crescimento estimado em cerca de 73%, a Magalu obteve grande destaque durante a pandemia do coronavírus, tendo em vista que o distanciamento social e o fechamento do comércio impulsionou as vendas online.

Com um sistema de vendas sistematicamente coordenado e um atendimento impecável, que não a diferencia em nada de uma atendente real, o chatbot do Magazine Luiza se tornou referência para empresas dos mais diversos segmentos.

Influenciadora digital, referência de mercado, autêntica e imensamente versátil, a Magalu demonstra que o sucesso no digital é algo realmente alcançável.

E além de ser uma das maiores figuras das vendas online, a Magalu ainda auxilia mulheres vítimas de violência doméstica, onde mulheres vítimas de violência podem fazer sua denúncia através de um botão no site.

O crescimento e as ações sociais da Magalu demonstram que em tempos difíceis como os que estamos vivenciando, requerem estratégia, posicionamento e inovação.

É a hora de apostar no digital, aderindo às novas formas de relacionamento com o público e fortalecendo a sua marca através das redes, sites e blogs.

E acima de tudo: Aposte nos chatbots.

Em um outro artigo eu falei mais afundo sobre alguns dos chatbots mais populares, confira:

View this post on Instagram

Os Chatbots auxiliam na otimização de tempo e torna todo o processo comunicativo da empresa mais produtivo e descomplicado.⠀ Inquestionavelmente esta é uma ferramenta que vem se tornando cada vez mais indispensável dentro das organizações.⠀ E para te mostrar toda a popularidade dos Chatbots, eu criei uma lista com Os 5 Chatbots mais conhecidos da atualidade.⠀ ⠀ ⠀ 1. Magalu: No Brasil a Magalu é sem dúvidas um dos Chatbots mais conhecidos. Com redes sociais e versão virtual, a Magalu ganhou vida e se tornou referência no país. Suas redes sociais possui milhares de seguidores e hoje o bot do Magazine Luiza se tornou referência nacional.⠀ 2. Bia do Bradesco: A Bia é o Bot do Banco Bradesco, que tem conquistado cada vez mais destaque no ramo. O objetivo da Bia é tirar dúvidas e solucionar problemas comuns de forma rápida e objetiva. ⠀ 3. Siri da Apple: A Apple adquiriu a Siri em 2010, tornando-a em uma das ferramentas mais populares do ramo. A Siri é capaz de fazer reservas em um restaurante e até mesmo chamar um táxi. Ela se adapta ao perfil de cada usuário através de suas preferências, sendo um grande diferencial deste Chatbot.⠀ 4. Google Now: Lançado em julho de 2012, Google Now é capaz de fazer publicações sozinho, ler códigos de barras e reconhecer músicas. Imensamente popular, este aplicativo está disponível para celulares Android.⠀ 5. Chatbot do Uber: Uma das mais maiores novidades da empresa é a opção de o usuário chamar um Uber diretamente do Facebook Messenger, sem a necessidade de o usuário entrar no aplicativo da empresa.⠀ ⠀ Você já interagiu com algum desses bots?⠀ Deixe nos comentários sua experiência.

A post shared by Gelson Pandolfo Vendas e MKT (@gfpandolfo) on

Magalu

Magalu

A pandemia tem impulsionado os atendimentos virtuais, pois é a melhor forma de continuar vendendo e ainda manter-se seguro dos riscos oferecidos pelo coronavírus.

Mas os atendimentos virtuais precisam de estratégia, estrutura, planejamento e constantes atualizações e aperfeiçoamento.

Através dos atendimentos virtuais, as empresas estão podendo vender e os clientes comprar o que precisam, além de poder se relacionar e resolver assuntos relacionados ao pós-venda diretamente pela internet.

Os chatbots passaram de uma tendência para uma necessidade.

Empresas dos mais diversos segmentos estão aderindo ao chatbot para aumentar suas vendas durante a pandemia.

E assim como a Magalu, sua empresa precisa estar presente e representada nas redes.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Leia Mais

Politica de Privacidade & Cookies