Rádio 93FM
Com você onde você for.

Ouça a Rádio 93FM Ao Vivo

Assista a Rádio 93FM Ouça a Rádio 93FM

Ouça a Rádio 93FM



Assista a Rádio 93FM

Com decreto ineficaz, Juiz derruba restrições de horários em Sinop

O juiz Mirko Vincenzo Giannotte, derrubou o decreto do Prefeito Roberto Dorner, dizendo que estabeleciam medidas restritivas ineficazes para frear o avanço da Covid-19 e que vinham causando grandes prejuízos às atividades econômicas de Sinop.

O juiz Mirko Vincenzo Giannotte, da 6ª Vara Cível, suspendeu na noite de terça-feira (11), os efeitos de decretos editados pela Prefeitura Municipal de Sinop que estabeleciam medidas restritivas ineficazes para frear o avanço da Covid-19 e que vinham causando grandes prejuízos às atividades econômicas da cidade.

A decisão do magistrado foi em resposta a uma Ação Popular proposta pelo presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Sinop, Marcos Antônio Alves.

Com decreto ineficaz, Juiz derruba restrições de horários em Sinop 2
(Com assessoria)

Apesar de permitir o funcionamento do comércio sem restrição de horário, a decisão não exclui o dever de observar todas as recomendações do Ministério da Saúde relacionadas ao distanciamento, higienização, circulação de ar, uso de máscaras, entre outras medidas de prevenção, amplamente divulgadas e de conhecimento de toda população.

Na decisão, o juiz sustenta que:

“…os novos estudos que estão sendo realizados demonstram que essas restrições estão se mostrando ineficazes no combate à disseminação da Covid-19, ENTENDO que essas MEDIDAS deverão ser REVISTAS, eis que PRIVAM as PESSOAS FÍSICAS e JURÍDICAS de EXERCEREM LIVREMENTE suas ATIVIDADES COMERCIAIS e AFETAM DIRETAMENTE a ECONOMIA do PAÍS, acarretando PREJUÍZO, principalmente ao ERÁRIO em decorrência da INADIMPLÊNCIA em cascata, DIMINUINDO a ARRECADAÇÃO de TRIBUTOS”, disse o magistrado em um dos trechos da decisão.

E ainda completa:

“Por oportuno, ENTENDO que não adianta fechar o comércio em determinada hora, porque o ciclo do vírus é de 14 (quatorze) dias, desse modo o vírus estará sempre em circulação (…) A impressão é que o vírus somente circula após o toque de recolher”, acrescentou o juiz.

“Sempre defendi a abertura do comércio, levando em conta as medidas de biossegurança. Queremos que os governantes agilizem as vacinas, fiscalizem os excessos e os infratores sejam punidos. Nossa cobrança é que o setor de saúde se mantenha equipado, pois os empresários pagam os impostos e não podem ser penalizados com o fechamento de suas atividades. A economia e saúde precisam andar juntas, para sobrevivência”, justificou o gestor da Câmara de Dirigentes Lojistas de Sinop, Marcos Alves.

Em Sorriso, o prefeito Ari Lafin (PSDB) já havia baixado o novo decreto revogando o toque de recolher, que estava em vigência há cerca de um mês.
O número da decisão é: 1009692-46.2021.8.11.0015

COM ASSESSORIA

Quer receber as notícias em primeira mão? Acesse e entre no Grupo de Notícias da 93FM, e saiba tudo que acontece no estado, em real time. 

Grupo de WhatsApp 93FM 

 

Grupo do Telegram 93FM

 

Leia também –

2 Homens Morrem Soterrados Por Grãos De Soja Em Silo

MATO GROSSO Atende Recomendações E Suspende Aplicação De AstraZeneca Em Grávidas

Deputado Juarez Costa Se Compromete Em Concluir Residencial Nico Baracat

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. AceitoLeia Mais

Politica de Privacidade & Cookies