Ouça a Rádio PRIME FM Ao Vivo

Assista a Prime FMOuça a Prime FM

Ouça a Rádio 93FM



Assista a Rádio 93FM

3 Passos para se tornar um enólogo profissional

A maioria das pessoas sonha em trabalhar com aquilo que ama. E se o que você mais ama é vinho, essa é uma ótima notícia pra você: É possível transformar a sua paixão por vinhos em profissão. 

Imagine só ser remunerado enquanto degusta um delicioso vinho tinto? É claro que a profissão de enólogo, não se resume apenas a degustação de vinhos, mas com certeza é um dos benefícios para quem aprecia a bebida.  

Enólogo profissional

Enologia é uma ciência que estuda os aspectos do vinho, começando pelo seu  plantio, escolha do solo, vindima, produção, envelhecimento, engarrafamento, entre outros detalhes. 

Logo, o enólogo é o profissional graduado em enologia, que atua sendo responsável pela produção do vinho e por todos os aspectos relacionados ao produto final. 

Durante o curso técnico ou graduação, o estudante terá disciplinas como entomologia, física, química e microbiologia. Além dessas matérias, o futuro enólogo irá aprender sobre vinificação, análise sensorial dos vinhos e controle de qualidade.

Passo 1: 

O primeiro passo para se tornar um enólogo profissional é ser apaixonado por vinhos. Isso com certeza irá fazer uma grande diferença na sua formação e no seu desempenho como profissional. 

Passo 2: 

O segundo passo é estudar muito. Além das opções de curso tecnólogo ou graduação em Enologia,  o estudante pode optar pelo curso técnico ou superior de agronomia, que também oferece a formação necessária para atuar nessa área.  

Passo 3: 

O último passo, mas não menos importante para quem quer seguir a carreira de enólogo, é realizar uma especialização após sua formação. Além de elevar seu conhecimento e seu valor como profissional no mercado de trabalho, fica mais fácil escolher uma área específica para atuar. 

3 coisas que você precisa saber antes de se tornar um enólogo

1. Além de aprender e trabalhar com vinho, o curso de enologia ensina a produzir outras bebidas, como sucos, conhaques, cervejas e vinagre, entre outras bebidas destiladas e fermentadas, expandindo a possibilidades no mercado para o enólogo.

2. O salário inicial de um enólogo é de R$ 2 mil e o teto da categoria gira em torno de R$ 5.500. Lembrando que é possível ganhar bem mais do que isso, com salários que podem chegar até R$ 15 mil.

Isso irá depender de fatores como especialização do profissional e seu local de trabalho. 

3. Infelizmente, existem poucos cursos de Enologia no Brasil e a maioria deles fica no Sul do país, que é a principal região produtora. Isso acaba fazendo com que o curso não seja tão acessível. 

Mas se você se identificou com a possibilidade de seguir a profissão, segue abaixo a listagem com as instituições de ensino que oferecem o curso:

Enologia – encontre uma graduação: 

Instituto Federal Campus Bento Gonçalves/RS: nível superior e técnico. 

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sul-Rio-Grandense – Campus Visconde da Graça/RS: nível superior

UNIPAMPA – Universidade Federal do Pampa – Campus Dom Pedrito/RS: nível superior

IFPE – Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Sertão Pernambucano – Petrolina/PE: nível superior

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia São Paulo – Campus São Roque/SP: nível superior

IFSC – Instituto Federal de Santa Catarina – Urupema/SC: nível superior

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. AceitoLeia Mais

Politica de Privacidade & Cookies