Rádio 93FM
Com você onde você for.

Ouça a Rádio 93FM Ao Vivo

Ouça a Rádio 93FM

Ouça a Rádio 93FM

Sinop e dezenas de cidades estão em estado de alerta sobre umidade do ar; veja recomendações

0 35

Sinop e outras dezenas de cidades mato-grossenses estão em estado de alerta devido a baixa umidade relativa do ar nesta época do ano. De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), que divulgou um alerta referente à isso, cerca de 70% dos municípios estão inseridos nesse alerta, visto que a umidade média é de 20%.

A previsão em Sinop, Sorriso, Alta Floresta, Juara, União do Sul, Tangará da Serra, Rondonópolis, entre outras cidades, para esta sexta-feira (23) é que a umidade mínima seja de 20%. Na capital Cuiabá a previsão é que a umidade esteja em 25%, o que não a retira do estado de alerta.

Conforme a Organização Mundial da Saúde (OMS), uma escala aponta os níveis de umidade. Entre 60 e 80% é o recomendável para a saúde humana. Já abaixo de 60% não é recomendável, entretanto não há riscos eminentes. Entre 21 e 30% a escala aponta estado de atenção. Entre 12 e 20% o estado é de alerta. Já abaixo de 12% a situação é de emergência.

Essa baixa umidade também está relacionada e propiciam as queimadas na região norte do estado.

Leia também: Operação de combate a incêndios é deflagrada na região norte

De acordo com o Farmecêutico Maycon de Paula, o tempo seco pode ocasionar problemas para a saúde, como a desidratação e ressecamento da boca e do nariz. Algumas recomedações são essenciais em períodos como este. “Beber ao menos 3 litros de água. Uso de hidratantes, pois evitam a perda de água da pele, além de tentar evitar fazer exercícios de alta intensidade”, recomenda.

Mesmo com o calor intenso, uma outra recomendação e não ficar muito tempo em locais com ar-condiconado, já que ele retira a umidade do ambiente. “Em casa é interessante usar umidificadores de ar. Pra quem não tem pode usar toalhas molhadas, bacias com água, baldes, que vão contribuir”, complementa o farmacêutico.

Uso de medicamentos
Alguns medicamentos como os descongestionantes de nariz, mesmo com a autorização para a livre venda, é recomendável ter a indicação médica para a compra dele, assegura Maycon. “Podem causar alguns problemas se forem utilizados de forma indiscriminada. Eles contraem os vasos sanguíneos do nariz causando a sensação de alívio imediato do congestionamento, mas pode causar o efeito rebote, ou seja, o congestionamento pode voltar com mais força em um curto espaço de tempo”.

Além disso, o farmacêutico alerta que se o uso desse tipo de medicamento for constante, o organismo pode desenvolver uma tolerância. “A pessoa vai precisar utilizar cada vez mais esse medicamento para obter um resultado. Além disso eles não são indicados para pessoas que sofrem de hipertensão. Eles aumentam um pouco a pressão naquela região”.

Resultado de imagem para nariz ressecado
Foto: Reprodução/Ilustração

Uma alternativa para quem sofre com a mucosa ressecada e até mesmo congestionamento nasal, é lavar essas áreas com soro fisiológico. “Ele vai ajudar a descongestionar e dar uma sensação maior de hidratação”, conclui.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Leia Mais

Politica de Privacidade & Cookies