Rádio 93FM
Com você onde você for.

Ouça a Rádio 93FM Ao Vivo

Assista a Rádio 93FM Ouça a Rádio 93FM

Ouça a Rádio 93FM



Assista a Rádio 93FM

“Responsabilidade também é de vocês”, diz Prefeita para empresários ao autorizar abertura de comercio em Sinop

0 154

A prefeita de Sinop, Rosana Martinelli, afirmou que vai seguir o decreto do governador Mauro Mendes que libera a volta dos atendimentos em todo o comércio de Mato Grosso, que foi publicado na manhã desta quinta-feira (26) e também autorizou os comerciantes da cidade a abrirem normalmente a partir desta sexta-feira (27).

Leia também: Sinop tem 33 suspeitas de Coronavírus

Rosana aponta em um vídeo publicado na página da Prefeitura no Facebook, que os empresários devem seguir todas as determinações de segurança estipuladas no decreto estadual, e ainda assegura que até o momento não recebeu nenhum recurso por parte do Governo Federal, para ações de combate e prevenção ao Coronavírus.

“Lembrando que até o momento, não recebemos as ajudas e o suporte que o Governo Federal tem anunciado para a saúde, nem quando e de que tipo será esse suporte”.

A chefe do Executivo municipal ainda argumentou que com a abertura do comércio, a população volta a circular pelas ruas e avenidas e ficam mais expostas a contaminação com o vírus, e que, consequentemente, caso surjam mais suspeitas e até mesmo casos confirmados, é a prefeitura que tem que arcar com esses atendimentos. “A sobrecarga será na UPA e nos postos de saúde”.

Ainda em pronunciamento, Martinelli disse que a responsabilidade também é dos empresários das consequências que as aberturas das lojas podem ocasionar. “Eu peço que sigam o decreto e adotem todas as medidas de prevenção e higienização necessárias. Essa responsabilidade também é de vocês de agora em diante”, complementa.

A aulas na rede municipal seguem suspensas até o dia 5 de abril e os eventos, aglomerações em arques públicos e privados, praias de água doce, teatro, cinema, museus, casas de shows, festas, feiras, academias, ginásios esportivos e campos de futebol, missas, cultos e celebrações religiosas, outros eventos e atividades que demandem aglomeração ou reunião de pessoas.”Saiam de casa em apenas nos casos de extrema necessidade”, conclui a prefeita.

Assista o pronunciamento da prefeita Rosana Martinelli:

Prefeita Rosana seguirá decreto do Estado, mas faz alerta para a saúde

Prefeita Rosana seguirá decreto do Estado, mas faz alerta para a saúde. Confira no vídeo!

Gepostet von Prefeitura de Sinop am Donnerstag, 26. März 2020

Veja aqui o que diz o decreto do governador Mauro Mendes

O decreto foi publicado no Diário Oficial que circula nesta quinta-feira (26) e reforça as medidas que têm sido adotadas pelo Gabinete de Situação, comandado pelo governador Mauro Mendes. Esse decreto diz que as medidas devem ser aplicadas também para as prefeituras de todos os municípios do estado, de modo a não haver divergências entre as medidas tomadas pelo Estado. Caso os prefeitos queiram adotar ações mais restritivas, terão que apresentar fundamentação técnico-científica que justifique a providência no âmbito local.

Entretanto, os Ministérios Público do Estado, Federal e do Trabalho pedem ao governador Mauro Mendes a suspensão imediata dos efeitos do Decreto 426/2020, que relaxou as medidas restritivas de prevenção ao coronavírus, liberando praticamente todo tipo de atividades comerciais e industriais. O ofício foi protocolado nesta quinta (26).

No ofício enviado ao chefe do Poder Executivo, o procurador-geral de Justiça, José Antônio Borges Pereira, o procurador-chefe do MPT-MT, Rafael Mondego Figueiredo, o promotor de Justiça Alexandre de Matos Guedes, a procuradora da República Denise Muller Slhessarenko e a procuradora do Trabalho Tathiane Nascimento solicitam que os efeitos do referido decreto sejam suspensos por ao menos 15 dias.

Em nota, o Governo afirmou que não “flexibilizou” medidas de combate à propagação do coronavírus (Covid-19) no Estado e que mantém firme as ações restritivas de isolamento, consideradas essenciais no controle da doença.  Disse ainda que o decreto publicado nesta quinta está alinhado às normas preconizadas pela Organização Mundial de Saúde (OMS), Ministério da Saúde, bem como com nota técnica expedida pela Sociedade Brasileira de Infectologistas (SBI).

eja, abaixo, a íntegra do pronunciamento oficial da Excelentíssima Prefeita de Sinop, Rosana Martinelli.

“Há alguns dias o Governo Federal, por meio do Ministério da Saúde, nos alertou a adotar medidas rígidas para garantir o isolamento social por 15 dias, que, conforme as autoridades de saúde, é a forma mais segura de prevenção ao coronavírus. São esforços para salvar vidas e evitar o colapso do sistema de saúde em todo o Brasil, até o final de abril, conforme projeções oficiais.

Enquanto prefeita, criei o Gabinete de Situação para agirmos. Desde então, seguimos as orientações da Organização Mundial de Saúde (OMS) e do Ministério da Saúde, sempre mantendo diálogo com os governos Federal e Estadual, sempre pensando na saúde do cidadão sinopense e na preservação da nossa economia.

Eu não poderia, jamais, fugir às minhas responsabilidades de prefeita e cidadã com o povo de Sinop. Foi preciso coragem e responsabilidade para tomar decisões que afetam diretamente a vida de todos nós sinopenses, enquanto não havia qualquer orientação clara e específica por parte do Governo do Estado quanto à economia. Consultamos médicos e especialistas da saúde. Mantive diálogo aberto com as entidades, associações, segmentos sociais e empresariais e também com o povo, pensando na saúde e na economia. Nenhuma das nossas decisões foi tomada de forma isolada. A nossa gestão sempre foi e será compartilhada.

Hoje (26), o governador Mauro Mendes normatizou e pacificou as questões econômicas em Mato Grosso. Muitas já vão ao encontro dos decretos que venho anunciando quase que diariamente. Quanto às novas determinações, o caminho é claro: vamos seguir as normativas do Estado. Lembrando que até o momento não recebemos as ajudas e suporte que o Governo Federal tem anunciado para a saúde e nem quando e de que forma será esse apoio.

O alerta que faço neste momento é de que, com as medidas anunciadas hoje voltadas à economia, voltaremos a ter um grande número de pessoas circulando em nossa cidade. Uma vez que, aumentando o número de casos suspeitos e doentes, a sobrecarga será na UPA e nos postos de saúde.

Então, eu peço que os empresários de Sinop sigam o decreto e adotem todas as medidas de prevenção e higienização necessárias. Essa responsabilidade também é de vocês de agora em diante.

Quero lembrar, ainda, que as aglomerações em espaços públicos, feiras, academias e eventos em geral, ainda estão proibidos conforme decreto do Estado.

As escolas continuam com as aulas suspensas até o dia cinco de abril.

E continuo fazendo um apelo ao povo de Sinop: saia de casa apenas nos casos de extrema necessidade. Essa luta pela saúde é de todos nós!!!

Fique em casa! Que o Espírito Santo continue nos iluminando, nos dando cada vez mais esperança e fortalecendo a nossa fé. Que Deus abençoe a todos nós!”

 

 

 

 

 

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Leia Mais

Politica de Privacidade & Cookies