Ouça a Rádio PRIME FM Ao Vivo

Assista a Prime FMOuça a Prime FM

Ouça a Rádio 93FM



Assista a Rádio 93FM

Pacientes com fibromialgia podem solicitar carteirinha na Secretaria de Saúde em Sinop

Em Sinop, há em vigor, uma lei municipal que determina prioridade de atendimento aos pacientes portadores da doença e, que para identificação, uma carteirinha é emitida gratuitamente pela Prefeitura; confira!!

O dia 12 de maio foi instituído como dia nacional de conscientização e enfrentamento da Fibromialgia, doença que se manifesta por dor no corpo todo, principalmente na musculatura. O que muitas pessoas não sabem é que em Sinop, há em vigor, uma lei municipal que determina prioridade de atendimento aos pacientes portadores da doença e, que para identificação, uma carteirinha é emitida gratuitamente pela Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Saúde.

Para requerer o documento, o munícipe deve fazer a solicitação na sede da Secretaria de Saúde, apresentando cópias dos documentos pessoais, comprovante de endereço, bem como o laudo médico apontando a condição. Com as informações, o pedido é encaminhado para produção e, após alguns dias, uma equipe da secretaria faz o contato com o paciente para providenciar a entrega.

A servidora pública Juliana Tietz é portadora de fibromialgia e fez a solicitação do documento. Ela conta que descobriu a doença em 2019, depois de um período de bastante estresse e dores prolongadas pelo corpo. A partir de uma sequência de exames, diagnosticou-se como fibromialgia. “Tem dias que você não quer nem sair da sua cama. Às vezes só o toque na sua pele dói.  Dói a cabeça, os ombros, os braços, a coluna, as pernas. Tem dias que até o som ou a luz do dia te incomodam. A gente fica muito sensível alguns dias. Existem crises que duram semanas, às vezes menos, então a gente precisa se adaptar a tudo isso”, relatou.

Ela conta que o primeiro passo é aceitar o diagnóstico de fibromialgia e iniciar o tratamento. O apoio dos familiares também é importante no processo contra a doença, que não tem cura, mas que tem tratamento. “Primeiro começa com a aceitação do paciente. A gente precisa aceitar para começar o tratamento certinho, com medicamento, terapia, exercício.  É difícil fazer, mas, a doença exige que você não fique parado, então você precisa se movimentar, fazer exercício por mais difícil que seja”, lembrou.

LEGISLAÇÃO

A Lei Ordinária n° 2878/2020 alterou a Lei Ordinária nº 2588/2018, incluindo prioridade de atendimento aos portadores de fibromialgia. Anteriormente, a lei previa prioridade de atendimento no município de Sinop apenas para pessoas que realizam tratamento de quimioterapia, radioterapia, hemodiálise e utilizem bolsa de colostomia. Todos os pacientes que se encaixam na referida lei têm direito a carteirinha de prioridade. O processo para solicitação é o mesmo.

(Com Prefeitura de Sinop)

Leia também –

Acompanhe mais informações no Jornal Integração

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. AceitoLeia Mais

Politica de Privacidade & Cookies