Rádio 93FM
Com você onde você for.

Ouça a Rádio 93FM Ao Vivo

Ouça a Rádio 93FM

Ouça a Rádio 93FM

Nova fase de operação para combate ao garimpo ilegal é deflagrada

Cerca de 160 policiais e também de servidores do Ibama e SEMA atuarão na área durante toda semana.

0 329

A 2ª fase da Operação Trype, que tem objetivo de cessar as atividades de um grande garimpo ilegal no município de Aripuanã, foi deflagrada na manhã desta segunda-feira (7), pela Polícia Federal (PF).

De acordo com as investigações, além do impacto ambiental na região o garimpo ilegal estaria causando problemas sociais no município com aumento do índice de homicídios, tráfico de drogas, prostituição e outros crimes.

Cerca de 160 policiais e também de servidores do Ibama e SEMA atuarão na área durante toda semana.

1ª Fase

No dia 26 de setembro a PF deflagrou a primeira fase. Foram cumpridos mandados de prisão em Juína, Aripuanã, Alta Floresta e Paranaíta.

A Operação Trypes tem ligação com o ouro que foi localizado em um avião em Aripuanã em junho deste ano. As investigações da PF iniciaram após prisão feita pela Policia Militar.  A corporação conseguiu apreender uma carga de 6,5 quilos de ouro, estimados em R$ 7 milhões.

Dois suspeitos foram presos, além de duas pistolas com carregadores e 27 munições intactas. A ação aconteceu no aeroporto do município, que fica na zona rural.

Após a deflagração a PF informou que, ao investigar extração e venda criminosa de ouro na Amazônia Legal, em Mato Grosso, se deparou com articulado esquema de lavagem de dinheiro, envolvendo emissão de documentos falsos e uso de contas bancárias abertas especificamente para garantir a movimentação financeira de quadrilha. Seis pessoas foram presas e cumpriram 16 mandados de busca e apreensão, além de 2 ordens de suspensão de atividade econômica. (Com assessoria e RD News)

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Leia Mais

Politica de Privacidade & Cookies