Ouça a Rádio PRIME FM Ao Vivo

Assista a Prime FMOuça a Prime FM

Ouça a Rádio 93FM



Assista a Rádio 93FM

Ministro confirma 15 milhões de doses até fevereiro para o Brasil

Segundo o Ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, as vacinas contra a COVID, devem chegar a 100 milhões de doses no primeiro semestre de 2021.

Entre Janeiro e Fevereiro de 2021, o Brasil deve receber 15 milhões de doses da vacina contra COVID-19, com expectativa de que esse número chegue a 100 milhões no primeiro semestre e 160 milhões a mais no segundo.

A informação é do ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, que na quarta-feira (02), participou de uma reunião remota da comissão mista do Congresso, que acompanha as medidas do Executivo relacionadas  à COVID.

O ministro compareceu à audiência atendendo requerimentos dos senadores, Wellington Fagundes (PL-MT), Esperidião Amin (PP-SC) e Eliziane Gama (Cidadania-MA). Os parlamentares cobram explicações sobre a denúncia de que o Brasil corre o risco de perder, por prazo de validade, 6,86 milhões de testes para diagnóstico do coronavírus.

Na primeira parte da reunião, o ministro explicou que há poucos fabricantes com um cronograma de entrega das vacinas efetivo para o país. Segundo Pazuello, as empresas que têm condições de liberar grandes quantidades se resumem a duas ou três em todo mundo.

De acordo com o ministro, o governo só vai liberar a aplicação de vacinas registradas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), após a conclusão de todos os estudos e protocolos exigido.

Pazuello destacou um acordo bilateral de transferência de tecnologia com a AstraZeneca/Oxford, por intermédio da Fiocruz, de R$1,9 bilhão, e um acordo multilateral com a Covax Facility, no valor de R$2,5 bilhões, cujos recursos estão encaminhados por meio de medida provisória.

Segundo o ministro, isso possibilitará a produção de vacinas de maneira autônoma no país a partir do segundo semestre de 2021(Com Senado Federal).

Leia também: População Do Reino Unido começa a ser vacinada contra a covid-19

 

Acompanhe essa e outras informações no Jornal da 93 FM. 

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. AceitoLeia Mais

Politica de Privacidade & Cookies