Rádio 93FM
Com você onde você for.

Ouça a Rádio 93FM Ao Vivo

Assista a Rádio 93FM Ouça a Rádio 93FM

Ouça a Rádio 93FM



Assista a Rádio 93FM

COVID-19: O impacto das opiniões relacionadas a pandemia

A internet os últimos anos, principalmente na pandemia da COVID-19 tem se tornado uma grande portal, para opiniões de milhares de pessoas. No ultimo episódio da Minissérie Tratamento Precoce, o Dr. Tiago Pianowski fala sobre os efeitos das opiniões emitidas!!!

0 79

A internet os últimos anos, principalmente na pandemia da COVID-19 tem se tornado uma grande portal, para opiniões de milhares de pessoas. Desde os assuntos de variedades para descontração, até para aqueles que são mais sérios, a internet é regada de opiniões pessoais, algumas delas, são emitidas sem conhecimento de causa.

E quando se fala em COVID-19, a rede é cheia de comentários opinativos, que fazem as pessoas decidir o que fazem ou não em relação a pandemia e seus efeitos através de tweets. Na questão do tratamento precoce, a situação não é diferente.

Se você perdeu qualquer episódio da Minissérie tratamento Precoce, te convido agora a acessar os links abaixo, nas opções desejadas para acompanhar na íntegra e tirar todas as suas dúvidas.

1º EP – Mitos E Verdades Do Tratamento Precoce Com Doutor Tiago Pianowski

Assista através do Facebook – Cliquei AQUI 

Assista através do Youtube – Clique AQUI 

Ouça pelo Spotify da 93FM – Clique AQUI 

2º EP –TRATAMENTO PRECOCE: Saiba Porque Os Estudos Não Indicam O Protocolo

Assista através do Facebook – Cliquei AQUI 

Assista através do Youtube – Clique AQUI 

Ouça pelo Spotify da 93FM – Clique AQUI 

 

3º EP – TRATAMENTO PRECOCE: COVID-19: A Síndrome Do Pós-Vírus Que Permanece Em Pacientes

Assista através do Facebook – Cliquei AQUI 

Assista através do Youtube – Clique AQUI 

Ouça pelo Spotify da 93FM – Clique AQUI 

 

Opiniões e o Tribunal da Internet

O doutor refletiu em entrevista, cobre esses comentários relacionados a pandemia, em especial ao tratamento precoce.

“As Pessoas vão acabar se dando conta da irresponsabilidade quer opinião delas em relação as coisas, principalmente a COVID-19, pois hoje em dia todo mundo que opinar sobre as coisas, só porque vu na internet. Então acho que as pessoas deveriam compreender o poder que as palavras têm. Uma informação falsa que você passa, pode comprometer de alguém a vida de alguém”

“Até mesmo sobre medicações, ou sobre o funcionamento das máscaras, por isso tem que ter responsabilidade e saber o que está falando. “

 

Nunca acaba?

Um dos questionamentos que fizemos ao profissional, foi o sentimento de que nós achamos que está acabando, a covid vem encontra mais hospedeiros e faz mais vítimas. O doutor explica que tudo isso se dá a esta nova CEPA, onde o vírus no início da pandemia era de um jeito, e agora está de outro.

“A hora que a gente acha que todo mundo já pegou, gente vê mais e mais pessoas se infectando pela COVID-19. Daqui a pouco tanto pela exposição das pessoas que vão pela própria característica de contaminação, esse vírus a CEPA nova para você parece que tá mais agressiva tá infectando gente mais nova.”

 

Outras Doenças

Falando sobre outras doenças, sabemos que milhares de Brasileiros precisam tomar outros medicamentos para tratar outras doenças por exemplo, diabete, hanseníase e até por pressão alta. Indagamos o profissional sobre esse “combo” de remédios que a pessoa terá que tomar para tratar ambas doenças. O doutor explica que pelo período curto de utilização do Tratamento Precoce contra a COVID-19, não irá afetar.

“Essas medicações elas são administradas por período muito curto, e ficaram mal falados de uma maneira impressionante. Quando cheguei no Mato Grosso, nós utilizávamos a Cloroquina quando íamos para as regiões endêmicas de malária e tomávamos.”

“Nesta época ninguém falava em arritmia. Existem pacientes que tem histórico de utilizar o medicamento a uns 3 anos, com medicação diária de Cloroquina, e nunca tiveram complicações. Por este período curto de interação do medicamento, desde que siga a recomendação do médico, ele vai analisar os medicamentos que você já toma e vai prescrever a dose correta.
O risco é muito maior se você não tomar e deixar “a fogueira acender”

Expectativas do Futuro

Para encerrar a nossa minissérie, perguntamos ao Doutor Tiago Pianowski sobre as expectativas ainda do ano e 2021 e também do ano que virá.

“Vai chegar um pouco tempo lá, é difícil dar a previsão porque eles podem mudar é difícil, mas como a vacina que o número de infectados E tratando adequadamente eu acho que a gente vai passar de uma maneira melhor.”

“Acredito que em 2022 vamos estar quase zerados, porque quando um determinado número de pacientes já pegou, fica difícil do vírus achar uma ponte para infectar outra pessoa que não tenham imunidade” Finaliza o Doutor. 

 

ASSISTA E CONFIRA O QUARTO E ÚLTIMO EPISÓDIO DA MINISSÉRIE TRATAMENTO PRECOCE

 

 

Leia também – COVID-19: A Síndrome Do Pós-Vírus Que Permanece Em Pacientes

Acompanhe outras notícias no Jornal da 93FM 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Leia Mais

Politica de Privacidade & Cookies