Rádio 93FM
Com você onde você for.

Ouça a Rádio 93FM Ao Vivo

Assista a Rádio 93FM Ouça a Rádio 93FM

Ouça a Rádio 93FM



Assista a Rádio 93FM

Uso de câmeras em uniformes policiais é estudado por governo de MT

O objetivo das câmeras nas fardas dos policiais é registrar intervenções dos agentes em áudio e vídeo, além de inibir práticas criminosas.

Durante a inauguração da 4ª Companhia Independente de Segurança Institucional, nesta terça-feira (14.09), em Cuiabá, o ouvidor-geral de Polícia, Lúcio Andrade, destacou a possibilidade de novos investimentos para a área de segurança em Mato Grosso. Entre elas a aquisição de câmeras acopladas as fardas dos policiais. O objetivo é registrar intervenções dos agentes em áudio e vídeo, além de inibir práticas criminosas.

A 4ª Companhia é ligada ao 1º Comando Regional e está localizada na Praça das Bandeiras. O setor conta com uma sala de monitoramento de onde é possível observar 26 câmeras distribuídas na região, onde se localizam órgãos públicos estaduais, federais e órgãos de controle.

Além disso, está em processo de análise para contratação a tecnologia de reconhecimento facial que se comunica com o banco nacional de mandados de prisão.

“A tecnologia ajuda não só a prevenção e punição de crimes, mas garante mais segurança para nossos agentes. O uso do teaser (aparelho de choque) é uma necessidade para abordagens em que se pode reduzir a letalidade de ações policiais e a exposição ao risco de morte do próprio policial”, afirma o ouvidor-geral de Polícia, Lúcio Andrade.

O vídeo é uma importante ferramenta para inibir a realização do crime e a responsabilização do criminoso. Por isso o ouvidor foi até São Paulo para conhecer o sistema de câmeras instaladas nos uniformes dos agentes da PMSP. A ferramenta já é utilizada em outros Estados como São Paulo, Rondônia e Santa Catarina.

(Com assessoria)

Leia Também –

Acompanhe outras notícias no Jornal Integração 

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. AceitoLeia Mais

Politica de Privacidade & Cookies
Open chat