Rádio 93FM
Com você onde você for.

Ouça a Rádio 93FM Ao Vivo

Assista a Rádio 93FM Ouça a Rádio 93FM

Ouça a Rádio 93FM



Assista a Rádio 93FM

Policiais participam de curso técnico de explosivista do Bope

A capacitação faz parte da formação continuada de especialista na área de explosivos do batalhão.

A aula inaugural do III Curso de Técnico Explosivista da Policia Militar foi realizada na manhã desta segunda-feira (09.03), no Palácio Paiaguas, em Cuiabá. Treze policiais participam da formação técnica realizada pelo Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope).

A capacitação faz parte da formação continuada de especialista na área de explosivos do batalhão. O curso é considerado referência no Brasil. O coronel Carlos Eduardo Pinheiro, que comanda as unidades especializadas da PM, explica que a capacitação é uma oportunidade de melhorar ainda mais o atendimento da polícia à sociedade.

“Essa especialização formará 13 novos especialistas em ocorrência antibomba, quem ganha é a nossa população, que terá mais policiais preparados para situações complexas e atípicas”, ressalta coronel Pinheiro.

O curso tem duração de 60 dias e conta com policiais militares de Mato Grosso, e dos Estados do Paraná, Mato Grosso do Sul, Rondônia e Maranhão. Os alunos terão aulas teóricas e práticas, como o contato e manuseio com artefatos explosivos.

Policiais participam de curso técnico de explosivista do Bope
A roupa para explosivista do Bope é especial. (Foto: Divulgação PM MT)

Princípios de deflagração e detonação também serão abordados na formação que ocorre, a principio, no Batalhão do Bope, em Cuiabá. O soldado Elieser Carmo, do Maranhão conta que a formação técnica permitirá que a unidade do Bope em seu estado conte com um esquadrão antibomba.

“Tudo que eu aprender neste curso vou levar para os policiais do meu Estado. A polícia da cidade enfrentar ocorrências atípicas como roubo à banco e esse conhecimento que vou levar para a unidade vai especializar nossa equipe”, conta o soldado.

A solenidade de aula inaugural da instrução contou com a palestra “A importância do esquadrão antibomba no cenário da segurança pública estadual”, ministrada pelo comandante do Bope de Mato Grosso, tenente-coronel Ronaldo Roque.

O comandante da unidade destaca que o esquadrão antibomba atua em ocorrências não rotineiras, que forem atendidas maneira incorreta e despreparadas podem gerar danos à vida humana e materiais.

“Devido à incidência de ocorrências envolvendo o emprego de explosivos no estado, existe a necessidade de preparar estes policiais para atuarem de forma certeira, precisa e eficaz nestas situações complexas”, disse. (Greyce Lima / Secom MT)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. AceitoLeia Mais

Politica de Privacidade & Cookies
Open chat