Ouça a Rádio PRIME FM Ao Vivo

Assista a Prime FMOuça a Prime FM

Ouça a Rádio 93FM



Assista a Rádio 93FM

Mendes anuncia volta às aulas da rede estadual em Mato Grosso

De início as aulas presenciais vão funcionar de forma híbrida, revezando os alunos em sala de aula, de tal forma para não aglomerar estudantes e professores. Acesse e saiba a data de retorno.

O governador Mauro Mendes (DEM) anunciou na manhã desta segunda-feira (26) que o retorno às aulas presenciais em Mato Grosso está marcado para o dia 3 de agosto, terça-feira da próxima semana.

Mauro Mendes explicou que de início as aulas presenciais vão funcionar de forma híbrida, revezando os alunos em sala de aula, de tal forma para não aglomerar estudantes e professores. Esclareceu ainda a importância de continuar com todas as medidas de biossegurança que já são praticados pela população.

“Nós teríamos aí a volta à quase normalidade, já que no início deve ser o sistema híbrido, até ir fazendo a adaptação, medindo o pulso dessa volta e organizando para que no momento subsequente possamos voltar ao 100% presencial dentro de um planejamento que vai ser monitorado e acompanhado pela Secretaria de Estado de Educação (Seduc)”, disse o governador Mauro Mendes.

Mendes lembrou as dificuldades que o setor da educação sofreu nesses quase dois anos de pandemia com transtornos causados aos alunos e ainda as medidas tomadas dentro do que era possível para tentar minimizar os danos causados.

Porém, ressaltou a importância da presença do aluno dentro de sala de aula, a rotina escolar e o convívio social entre alunos, professores e demais profissionais da educação.

É extremamente lamentável durante mais de uma ano tivemos dificuldades imposta pela pandemia aqui em Mato Grosso, isso causou alguns transtornos e nós tentamos de todas as formas possíveis evitar o dano maior aos nossos alunos com material [escolar] sendo distribuído, aulas online, com diversos mecanismos que fomos criando ao longo desse período, mas a falta que faz a presença do aluno na sala de aula e o ritmo normal, sem dúvida nenhuma, traz prejuízos e vamos ter que desprender esforços grandes para resgatar isso e repor a esses alunos o ritmo que permita melhorar a qualidade da educação, que é o grande desafio aqui do estado de Mato Grosso”, explicou Mendes.

Sobre a decisão do retorno às aulas presenciais, o governador levou em consideração que o Tribunal de Justiça derrubou o dispositivo que condicionava a medida, que era a vacinação completa dos profissionais da educação. Ainda que, provavelmente, ‘todos’ já receberam pelo menos a primeira dose e a segunda, completando a imunização, será nos próximos meses.

Além de todos os setores do estado já estarem funcionando quase que 100%. De tal forma, a Secretaria Estadual de Educação planejou o retorno para o próximo dia 3.

“Hoje temos praticamente 100% das atividades econômicas funcionando no momento no estado de Mato Grosso. O serviço público de uma forma geral, todos nós aqui estamos trabalhando normalmente, então não existe nenhum setor econômico que esteja deixando de trabalhar em função da pandemia. Nós temos todas as condições de estabelecer isso nas nossas escolas. Portanto, o governo planejou e nós vamos voltar às aulas [presenciais] no dia 3”.

Mauro Mendes finalizou informando que pelo menos 20 estados brasileiros já retornaram com as aulas ou voltam no mês de agosto. Os restantes estão em diálogo finalizando o planejamento para tomar a medida, mas que deve acontecer ainda no próximo mês.

Leia também –

Acompanhe outras notícias no Jornal da 93FM

 

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. AceitoLeia Mais

Politica de Privacidade & Cookies
Open chat