Rádio 93FM
Com você onde você for.

Ouça a Rádio 93FM Ao Vivo

Assista a Rádio 93FM Ouça a Rádio 93FM

Ouça a Rádio 93FM



Assista a Rádio 93FM

Autônomos da área da alimentação e produtores de Sinop podem se cadastrar em site para aumentar vendas

Trata-se de um site para divulgar produtos do gênero alimentício.

Com o surgimento do novo coronavírus, produtores autônomos, principalmente da Agricultura Familiar, são diretamente afetados devido ao isolamento social. A pandemia de Covid-19 fez com que gestores decretassem o fechamento de feiras livres, para a comercialização de alimentos.

Enquanto os produtos industrializados continuam sendo oferecidos em supermercados, os alimentos frescos, produzidos por agricultores locais, tiveram uma considerável redução no setor de vendas. Não são apenas produtores rurais, mas também, pessoas que buscam a sua renda através da fabricação de doces e salgados, na própria casa.

Pensando nos pequenos expositores, feirantes e agricultores, dois empresários resolveram criar uma plataforma digital, para divulgar os produtos oferecidos por trabalhadores autônomos, do gênero alimentício. Trata-se do site Vizinhante.com.br, para fazer com que as pessoas possam conhecer e ajudar seus vizinhos produtores.

Na plataforma, é possível encontrar a mensagem objetiva do grupo, que busca ”incentivar o crescimento e a sustentabilidade da economia local, com geração de renda, mais qualidade de vida e mais empregos para pessoas perto de você’‘.

Novidade para fomentar economia local pode ajudar agricultores
Layout do site Vizinhante. (Foto: Print / 93 FM)

Os idealizadores do projeto, que trabalham com Marketing Digital na cidade do Rio de Janeiro, falaram com a equipe de Jornalismo da Rádio 93 FM. Para Mateus Moraes, que é publicitário e também já foi feirante, a ideia é atender tanto o produtor quanto os visitantes do site, que poderão consumir os produtos.

“A ideia do site é focar, basicamente, em produtores. Mas os produtores, eles vão desde a pessoa que trabalha na roça, plantando e cultivando, até a pessoa que beneficia essas matérias primas. Então a pessoa que faz pães, bolos, biscoitos, enfim… qualquer benefício que ela faça com o alimento, ela também pode ser considerada uma produtora”, disse o empresário.

Para concluir o raciocínio, Moraes diz que para uma pessoa se cadastrar no site, não precisa ser um produtor lavoureiro, mas basta ser um produtor local, que faça seus alimentos em sua pequena empresa ou em sua própria residência.

“Nas feiras, principalmente com essas feiras mais localizadas… mais diferenciadas, o termo é basicamente esse, é produtor local. Independente se a pessoa produz realmente lá na terra ou se ele faz em casa, os produtos alimentares”, finalizou Mateus.

Novidade para fomentar economia local pode ajudar agricultores
Vinícius David e Mateus Moraes, idealizadores do projeto Vizinhante. (Foto: Arquivo pessoal)

O empresário Vinícius David, formado em jornalismo, é um dos idealizadores do projeto e, segundo ele, a pandemia fez com que eles fossem alertados diante de uma realidade vista, em muitas vezes, apenas por pessoas ligadas ao universo dos pequenos produtores.

”A gente observou essa realidade. O Mateus já foi produtor de alimento também, expôs em feiras e tem contato com esse universo do pequeno produtor. Nós temos muitos amigos que trabalham com brigadeiros gourmet, pães artesanais, produtos in natura e até mesmo refeiçoes caseiras em marmita. A primeira coisa que pensamos nessa crise, foi como isso dificultaria a vida dessas pessoas”, revelou Vinícius.

Novidade para fomentar economia local pode ajudar agricultores
Imagem ilustrativa de cesta com verduras. (Foto: Reprodução)

Por já ter passado pela experiência, Mateus disse que reconhece as dificuldades enfrentadas pelos pequenos produtores, principalmente na questão de divulgação. A modernidade traz inovações tecnológicas para o marketing, porém, os produtores estão sempre envolvidos nos seus afazeres e acabam não tendo tempo para adquirir esse conhecimento.

“Eu atuei no passado como produtor rural, e eu participava de feiras, então eu fiquei imerso nesse mundo do produtor. Vi como é difícil você trabalhar com suas próprias mãos, porque não tem todo o incentivo, você não tem uma valorização na sociedade. Acaba que o feirante, o expositor não tem tanta noção técnica. Ele não consegue, por exemplo, se desdobrar para aprender novas técnicas de divulgação na internet, porque ele está o tempo todo com as panelas, resolvendo coisas em casa e com a produção”, concluiu.

 

Como se cadastrar?

Diante de uma performance simples e um Layout atrativo, as pessoas podem se cadastrar sem passar por dificuldades. Basta acessar o site oficial do Vizinhante e, na primeira tela que aparecer na página, clicar em uma caixa de cor verde – CADASTRAR GRATUITAMENTE.

Após a ação, você será direcionado até a parte mediana da plataforma, onde existe um formulário que deve ser preenchido com todos os dados solicitados, de forma correta. No término do preenchimento, é necessário clicar no item Enviar. Pronto, agora é só aguardar a solicitação ser aceita pelos administradores.

 

O futuro

Novidade para fomentar economia local pode ajudar agricultores

A realidade foi vista recentemente, mas a necessidade não é de hoje, pois o projeto visa ajudar na divulgação, para que as pessoas possam se dedicar o máximo na qualidade da produção dos produtos e não serem prejudicadas com o marketing.

O projeto foi lançado, e a ideia é abrir mais um canal para o produtor encontrar clientes e os clientes encontrarem os produtores, como dizem os proprietários da página.

Neste projeto, há um conceito de 4 pilares (ou 4 G’s):

  1. G erar capacitação
  2. G erar empregos
  3. G erar renda
  4. G irar a economia local

É possível acessar a página do Vizinhante no Facebook ou Instagram, para conferir as novidades que são publicadas pelos administradores. Para um futuro próximo, os idealizadores já se preparam para disponibilizar cursos para os pequenos produtores, sobre a produção de alimentos e também sobre divulgação.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. AceitoLeia Mais

Politica de Privacidade & Cookies