Ouça a Rádio PRIME FM Ao Vivo

Assista a Prime FMOuça a Prime FM

Ouça a Rádio 93FM



Assista a Rádio 93FM

Sinop deve aderir à Campanha Nacional Semana do Brasil

Esse deve ser o segundo ano da campanha de fomento à economia no país, em celebração à Independência do Brasil e valorização ao comércio.

Pelo segundo ano consecutivo, o município de Sinop deve aderir à Campanha Nacional de Fomento ao comércio, denominada Semana do Brasil. Trata-se de um movimento criado pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, afim de valorizar os empresários e também celebrar o patriotismo.

A Semana do Brasil acontece em comemoração ao 7 de Setembro, Dia da Independência do Brasil, proclamada por D. Pedro I em 1822. O primeiro ano em que foi implantada no país, em 2019, a campanha foi bem aceita pelos comerciantes e também por consumidores, onde encontraram descontos em diversas atividades empresariais.

Na tarde desta quinta-feira (13), as entidades representativas do comércio se reuniram no pátio da prefeitura municipal, seguindo as recomendações de distanciamento, para apresentar à imprensa, o retorno da campanha.

http://semanadobrasil.com/
Várias autoridades estiveram na cerimônia de apresentação da Semana do Brasil. (Foto: Rômalo Bessa / 93 FM)

De acordo com o vice-presidente da Associação Comercial e Empresarial de Sinop, Thiago Medina, a semana do Brasil acontece em todo o país, do dia 3 ao dia 13 de setembro.

“É uma iniciativa do Governo Federal, que vem homenagear o período de comemoração ao Dia da Independência. No período de 3 à 13, ocorrerá um movimento comercial, onde a ideia é estimular a atividade de consumo e ativar a economia”, destacou o vice-presidente da ACES Sinop.

Para completar, Thiago disse que não haverá nenhum custo para o comerciante participar da campanha, onde poderá ofertar descontos aos clientes e destacar sua loja com as cores da Bandeira Nacional.

“É uma campanha em que todos já podem se considerar participantes dessa semana, porque não vai haver termos de adesão, nada disso. Ocorre que vai haver um movimento no município, para que haja todo um estímulo de decoração em termos de deixar a cidade mais alegre, com as cores da nossa bandeira”, concluiu Medina.

Devido à pandemia do novo coronavírus, os cuidados contra a contaminação da Covid-19 deverão permanecer com intensidade no comércio. Segundo o diretor da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Sinop, Fernando Raiter, a entidade irá continuar com orientações aos empresários e colaboradores.

“A orientação é constante, a CDL Sinop entra em contato com várias empresas, a gente recebe muitas denúncias. Os empresários têm que manter o padrão de segurança com álcool em gel, distanciamento dentro das empresas, isso é obrigatório. Então todos temos que ter muito cuidado e muita responsabilidade para que dê tudo certo”, enfatizou o diretor.

Raiter ainda mencionou à 93 FM e TV Cidade Verde (canal 6.1 em Sinop), sobre o registro de participação das empresas em um site disponibilizado pelo Governo Federal, afim de contabilizar a movimentação dos comércios, a nível nacional.

“As empresas podem aderir a campanha se inscrevendo no site, é muito simples e fácil. É só pesquisar o site da campanha Semana do Brasil e lançar os dados. Não tem custo algum… enfeitar suas empresas, colocar um atrativo na sua empresa”, ressaltou o representante.

Apesar do mecanismo de inscrição, o empresário não será obrigado a se inscrever oficialmente, mas as entidades recomendam para uma melhor organização. Já a prefeita Rosana Martinelli, aproveitou o momento para agradecer e parabenizar os empresários de Sinop, pelo enfrentamento da Covid-19. Segundo a gestora, Sinop é referência no comércio.

“A gente precisa, cada vez mais alavancar o comércio, porque um comércio forte muda a cidade, e nós somos referência no Estado. E todos nós, somando esfórços, todo o poder executivo e legislativo – juntos com os empresários, fortalecendo essa semana, oferecendo várias oportunidades. Sinop é uma cidade diferente, os empresários aqui faz (sic) acontecer”, destacou a prefeita.

“Em plena pandemia, nós abrimos 1.496 empresas entre pequenas, médias e grandes. Isso mostra o nosso diferencial, a grandeza que nós temos”, concluiu Martinelli.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. AceitoLeia Mais

Politica de Privacidade & Cookies
Open chat